Estudo de Caso: Redesign do Instagram, por Ian Spalter

Fazer o redesign de um dos maiores aplicativos do mundo é um grande desafio. Como Ian Spalter liderou esse processo e quais os aprendizados que podemos tirar desse caso? Continue a leitura para entender esse caso de redesign desafiador!
Estudo de Caso: Redesign do Instagram, por Ian Spalter

É muito difícil encontrar alguém que, ao menos, nunca tenha ouvido falar no Instagram. Uma das mais populares redes sociais do mundo também teve que passar por um processo de redesign.

Ian Spalter, Product Designer, na época Head de Design do Instagram, foi o responsável por coordenar todo o processo de redesenho do aplicativo. Entenda como foi esse desafio e quais processos e etapas foram fundamentais para esse projeto.

*Este artigo foi baseado no episódio da série Abstract: The Art of Design, disponível na Netflix.

O que é redesign?

Redesign é o processo de reformulação do design já existente de algum produto, software, aplicativo, etc.

É um processo muito importante e deve ser feito com muita cautela.

O redesign não deve ser feito apenas porque o cliente se cansou do design atual. É preciso ter motivos reais e necessários para começar esse tipo de projeto para que ele seja bem sucedido.

Podemos listar alguns motivos sobre os quais o redesign pode ser útil:

  • Diminuição das vendas e da receita;
  • Redução do market share;
  • Redução da taxa de cliques;
  • Baixa taxa de conversão;
  • Redução do número de downloads do produto;
  • Redução do tempo do usuário na interface.

Portanto, o redesign de um produto deve estar bem alinhado com os objetivos e necessidades da empresa solicitante. Se não for o caso, o redesign pode até prejudicar seus resultados.

Dica de Leitura: Redesign – Você Tem Certeza?

Ian Spalter

Fonte: 99u.Adobe

Ian Spalter é um Product Designer renomado no Vale do Silício, sendo que uma em cada sete pessoas no mundo usam um produto supervisionado por ele.

Antes de se tornar Head de Design no Instagram, Ian fez parte do quadro de diversas grandes empresas, como Youtube e Foursquare.

Spalter, ainda, supervisionou o projeto do FuelBand da Nike, onde teve o desafio de tornar um pedômetro em algo vestível, usável e atraente para as pessoas.

Ou seja, Ian Spalter é um Product Designer altamente qualificado, e não é à toa que é um dos líderes do time de design do Instagram.

Instagram

Uma das mais famosas redes sociais do mundo, o aplicativo de compartilhamento de fotos e vídeos dispensa apresentações.

A plataforma conta com mais de 1 bilhão de usuários ativos, desde 2008, e o Brasil é o segundo na lista de países com maior número de usuários, ficando atrás somente dos EUA.

Por ser uma rede social de grande porte, seu redesign impacta diversas pessoas, desde celebridades até figuras políticas. Portanto, foi um grande desafio, para Ian, ter participado desse projeto.

Os desafios do projeto

Em um primeiro momento, Ian teve dois objetivos no projeto junto ao Instagram:

  • Re-branding da plataforma;
  • Redesenhar o Aplicativo, deixando-o mais moderno.

Não é preciso nem dizer o tamanho da responsabilidade e da pressão que veio junto com esse projeto.

Como já mencionado, o Instagram possui usuários de todos os tipos: celebridades, políticos, marcas e empresas de todo o mundo.

Se alguma decisão fosse tomada errada, o prejuízo seria gigantesco.

Re-branding

Para trabalhar na nova identidade do Instagram, Ian se preocupou com quais eram os elementos essenciais que já existiam na logo atual, dos quais os usuários se lembrassem logo de cara.

Para isso, fez um trabalho de pesquisa junto com sua própria equipe, e pediu para que cada membro desenhasse, em 10 segundos, a logo do Instagram da melhor forma que se lembrassem.

Com esse exercício/pesquisa, Ian conseguiu separar o que era essencial e o que era dispensável da logo e pôde trabalhar em cima da percepção das pessoas/usuários da plataforma.

A partir desses insights, Ian e sua equipe começaram a construir o que se tornou a nova logo do Instagram que conhecemos hoje.

Feedback dos usuários

Toda mudança traz estranheza e desconforto.

E não foi diferente com o que aconteceu com o lançamento da nova logo do Instagram.

A equipe começou a sofrer ataques de usuários da internet e houve matérias e artigos criticando a decisão. Mas, no fundo, eles estavam se sentido confortáveis com a mudança.

E não poderiam estar mais certos. O crescimento dos usuários ativos no aplicativo passou do 1 bilhão e esse feito é resultado, dentre outras coisas, do trabalho de Ian e de sua equipe.

Um redesign eficiente está ligado aos objetivos da empresa e não a gostos pessoais. O crescimento do Instagram a partir do redesign da logo e do aplicativo prova que as decisões certas foram tomadas para melhorar os resultados da companhia.

Dica de Leitura: Business Design – Por Que é Importante Saber Sobre Negócios?

Redesign do aplicativo

Além da logo, Ian remodelou o design do aplicativo, deixando-o mais simples e mais centrado para a experiência do usuário.

Nesse sentido, foram retiradas as cores e botões, fazendo com o que o foco da experiência do usuário fossem as fotos compartilhadas, que é o objetivo central do Instagram.

Uma característica da qual Ian se orgulha de sua equipe, é que ela pensa de modo integrado e em como as coisas, dentro do aplicativo, se conectam e se movem. A preocupação é com a Jornada do Usuário e não com layouts e designs separados, sem conexão.

Além disso, a equipe monta diversos protótipos fiéis para testar a usabilidade do novo design. Tal etapa é muito importante, pois é testando o protótipo que é avaliada a experiência do usuário e como ele reage e interage com o novo design.

Novo projeto: redesign do perfil do usuário

Após encabeçar os dois projetos, de reformulação da logo e do aplicativo, o próximo desafio de Ian é redesenhar a experiência com o perfil do usuário.

Neste projeto o desafio era redesenhar a parte do aplicativo na qual o usuário projeta a si mesmo e descreve quem ele é. Portanto, é algo bastante sensível.

Para isso, muitas reuniões foram feitas e, a partir delas, foram realizados testes para entender se os usuários se mostraram confortáveis ou não com as mudanças. Depois desse momento de Feedback, a equipe desenhou novas soluções.

Uma parte interessante de trabalhar com design de aplicativos é pensar no impacto que essas mudanças terão na vida do usuário. Por exemplo, a equipe de Ian quer diminuir a importância que o número de seguidores possui na vida do usuário. Claro, que essa mudança tem que ser feita com cautela, mas é algo importante que poderá retirar a ansiedade e pressão social por meio de um novo design.

Dica de Leitura: O que é Design Thinking?

O que podemos aprender com Ian Spalter?

Ian prova que Product Design e UX não são trabalhos aleatórios e desconexos. É preciso muita pesquisa, testes, workshops e centenas de reuniões para que um projeto de UX — seja de redesign ou não — seja um sucesso.

Podemos conferir alguns aprendizados rápidos que tivemos com esse estudo de caso:

  1. Saiba o que você está querendo resolver: é importante ter a definição do problema, entender o porquê estamos querendo resolvê-lo e quais são os benefícios do projeto;
  2. Seja racional: não tome decisões de design baseadas nos seus gostos pessoais. Faça pesquisas e decida por aquilo que é melhor para o usuário e para a companhia;
  3. Pesquise e teste: sempre faça pesquisas com os usuários, teste o design com eles, pegue feedback, adapte e comece o ciclo novamente;
  4. Utilize protótipos: eles são essenciais para que os usuários experimentem as mudanças;
  5. Pense no negócio: UX é uma área estratégica e tem que estar alinhada com os objetivos de produto e objetivos do negócio;
  6. Impactos do Design: pensar em qual será o impacto no comportamento do usuário quando lançado um novo design.

Para aprofundar seu conhecimento

Para aprofundar os aprendizados do estudo de caso acima, separamos alguns artigos que são muito úteis:

Além disso, incentivamos vocês a assistirem o episódio "Ian Spalter: Digital Product Design" da Série Abstract: The Art of Design, disponível na Netflix para que entendam melhor como foi realizado esse projeto de redesign do Instagram e entender melhor como é o trabalho de um Product Designer.

Se você gostou desse conteúdo não se esqueça de clicar em curtir e compartilhar! Esse pequeno gesto ajuda bastante no nosso trabalho! Fique à vontade para continuar navegando aqui e, caso queira receber nossos conteúdos por email, inscreva-se na nossa newsletter!

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Cursos

Temos orgulho de ter todo mês novos alunos contratados em países como Brasil, Irlanda, Portugal, Áustria, Nova Zelândia e Canadá.
Faça parte da comunidade Aela no Telegram!
Receba nossos conteúdos e notícias em primeira mão